ADICIONADO AOS FAVORITOS
CADASTRE-SE CLUBE DE COMPRAS DE SUPLEMENTO

PREENCHA SEU NOME

VOCÊ DESEJA ?
EMAGRECER
GANHAR MASSA

Atleta ganha campeonato de Powerlifting

A atleta e colunista Vanessa Almeida ganhou o Campeonato Brasileiro da International Powerlifting Federation e se classificou para o Campeonato Pan e Sul Americano. Conheça como foi a sua preparação para o evento!

Este fim de semana, passei por mais um desafio, o Campeonato Brasileiro de Powerlifting da IPF – International Powerlifting Federation que aconteceu em Curitiba.

Essa era uma importante etapa classificatória para que eu pudesse garantir uma vaga para o Campeonato Pan e Sul Americano e que venho me preparando desde que retornei do mundial em novembro, o que inclui treinos pesados, alimentação e suplementação. Mas, toda esta disciplina que culminou em medalha de ouro, não foi fácil. Como sabem, sou atleta, mas, também, sou mãe de dois filhos, divorciada e advogada.

vanessa-almeida-campeonato

Enquanto trabalhava com foco em preparar-me para este brasileiro, muitas coisas estavam acontecendo.

A primeira, uma dor na coxa que vem tornando a execução do agachamento muito sofrida, para a qual realizei ressonância e não se acha a causa. Tentei osteopatia, antiinflamatórios injetáveis, mas nada adiantou.

A segunda coisa foi uma reviravolta na minha carreira, em decorrência da quebra de uma sociedade.

A terceira foi uma mudança de apartamento que consumiu muita energia, haja vista que sou sozinha com as crianças e tive que resolver tudo, pintura, instalações, mudança, cheguei a realizar inúmeras idas e vindas de um imóvel ao outro com o meu carro carregado com quilos e quilos de coisas. Ufa! Tiveram dias que fui treinar moída, tanto emocionalmente como fisicamente, mas, graças a minha equipe de treinadores, em especial, o Horácio Saraiva Reis, que com o seu astral sempre positivo e sua competência, conseguia transformar a minha energia em pouco tempo, garantindo que eu executasse aquilo que havia planejado. Aqui entre nós, rs, muitas vezes ele repartia até o seu lanche comigo quando eu esquecia de levar o meu próprio. É um Coach incrível.

Sobretudo, o mais importante desta grande experiência, foi buscar uma forma de não deixar que toda essa fase difícil afetasse a minha autoconfiança como atleta bem como a minha performance. Como eu consegui? Mantendo a calma e cuidando de cada coisa em seu tempo. A hora de treinar era a hora de treinar e o mesmo na hora de trabalhar e quando estava com meus filhos. Se nos permitimos focar no que estamos fazendo, o tempo por mais curto que seja, será bem aproveitado e a chance de tudo dar certo aumenta. Pode acreditar!

Uma vez, quando fui realizar a minha primeira travessia no mar, passei por um grande aprendizado que me resgata em vários momentos da minha vida. Estava já há alguns minutos nadando quando ergui a cabeça e deparei-me com aquele infinito de água ao meu redor e numa profundidade além daquela aonde íamos em dias de sol na praia e não dava mais pé, ou seja, era o alto mar! Naquele momento, entrei em pânico, achei que tivesse me desprendido do grupo e que nem os salva-vidas me viriam ali, o pânico foi tomando conta de mim, pensei logo em meus filhos em minha vida e na prova que estava realizando e fiz uma escolha. Escolhi nadar! Fui em frente, estava cansada, com medo, mas não parei de girar os braços e bater as pernas rumo à praia.

Depois disso, percebi que na vida existem momentos onde temos que escolher entre deixar o pânico tomar conta de nós e morrermos afogados ou encontrar calma e seguir em frente! E é assim que venho conseguindo administrar meus três pilares com muita competência, com calma, com foco e muita dedicação e sempre com um pensamento, sempre terá um lugar para aportar, basta seguir em frente!

Equipe de preparação da atleta

Equipe de preparação da atleta

Até a próxima!

Fonte: Vanessa Almeida e Bom Corpo.

AVALIE ESSE POST

AVALIAÇÃO REGISTRADA COM SUCESSO
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10

RUIM

EXCELENTE

8 AVALIAÇÕES MÉDIA 8.6

VEJA TAMBÉM